Máquina de escrever metida a besta

“Para o redator publicitário, um computador não deveria significar nada mais que uma máquina de escrever metida a besta.”

Frase retirada do livro Blog de Papel, Propaganda & Marketing. Novo lançamento do redator Zeca Martins.


Publicado: 31 julho 2009
Compartilhe:
 
 

Comentários via Facebook

4 Comentários via blog

  1. Marcelo Petter de Vargas
    31. julho 2009 um 09:33

    Pois é…faz sentido. Contudo, outra verdade: estamos metidos em uma dependência bestial.

  2. Tiago Moraes
    31. julho 2009 um 14:28

    Eh isso ae Marcelo.
    Faz sentido!

  3. Thiago Fontes
    4. agosto 2009 um 17:27

    Não é bem assim. O computador (a internet, especificando bem) é ótima fonte de pesquisa, e cada vez mais precisamos pesquisar sobre o cliente, seu seguimento, os concorrentes, o público, o tema da campanha, enfim, diversos assuntos. Mas é claro que computador não escreve nem cria nada sozinho.

  4. Marcelo Petter de Vargas
    5. agosto 2009 um 10:38

    Por isso mesmo, metida a besta.

Comentar via blog

Security Code:

podcast do putasacada
calcule o tempo de leitura
contador de caracteres
Facebook Putasacada