Fiat Doblò | Leo Burnett

Criação da Leo Burnett para o novo Fiat Doblò. Títulos bacanas. Vale a pena conferir. A campanha também conta com um filme que deixa claro o conceito Uma coisa leva a outra. O Novo Doblò leva a todas.

19260

19258

19259


Publicado: 20 janeiro 2010
Compartilhe:
 
 

Comentários via Facebook

4 Comentários via blog

  1. Lucas Brandão
    22. janeiro 2010 um 08:59

    A arte ficou mto bacana, mas a redação ficou xucrutis de boa!

  2. Demetrius
    22. janeiro 2010 um 09:24

    O último título ficou bem legal, mostra o prazer de trabalhar numa agência que dá liberdade pro criativo criar, a maioria diria: “ahhhh, mas num tá errado falá anssim?

    Muito bom

  3. Tatiii Almeida
    23. janeiro 2010 um 07:50

    Eu não sou fera em título, mas gosto de outro tipo de titulo, que me faça pensar, refletir.
    Não acho que estes sejam tão bons assim.
    Sinceramente não curto esta fórmula com trocadilho, usar gíria sem me dizer nada mais.
    Analisando, não acho que neste job, a redação foi prioridade, era mais layout, tanto que a direção de arte está linda, eu adorei. Há muita informação, talvez se os títulos fossem mais “cabeças”, o Título brigaria com Layout, e a gente sabe que isso pode acontecer. Os títulos preencheram o objetivo de espaço, ou sei lá, por que tem que ter, mas não precisava, não faz a menor falta.
    - É o maior legal. (não gosto mesmo, acho que títulos curtos têm que ter uma super sacada, será que o público do Doblô fala “é o maior legal”? duvido muito.)
    - Procurando um bom lugar para viajar? Aqui tem seis. (ok, eu gosto, mas acho que serviria para qualquer outra “mini-van” p/ 6 pessoas, não me conta o diferencial.)
    - Depois do Salão do Automóvel, o automóvel com salão. (tb não curto muito, ok mostra que o carro é espaçoso, mas sério não gostos destas invertidas de ordem de palavras).

  4. Marcelo Petter de Vargas
    27. janeiro 2010 um 09:01

    Em tempo, darei continuidade na saudável polêmica, conjecturando um pouco mais. Antes, ressalto as interessantes abordagens da Tati e do Demetrius.

Comentar via blog

Security Code:

podcast do putasacada
calcule o tempo de leitura
contador de caracteres
Facebook Putasacada